sábado, junho 21, 2008

Watch the World(s).

Sabe bem ouvir alguém dizer que me encontrou (na "blogoesfera", neste caso). Especialmente quando és tão importante quanto isso tudo e mais um pouco. E é para ti que dedico o video seguinte. Ignora o facto de ser "passado" no SecondLife, ou ainda de ser puramente computadorizado. Entra na noite estrelada e aprecia aquilo que poucos sabem criar.

[Encontrado em YouTube - Watch the World(s).]

E, no passeio, aprecia a melodia.

And now I think I know What you tried to say to me How you suffered for your sanity, How you tried to set them free. They would not listen, they're not listening still, Perhaps they never will.

1 comentário:

nadjnska disse...

Só tu para me deixares assim,sorrindo durante este momento,que o caminho de uma lágrima demora a lavar a face.Lágrima que teima em exprimir amor, acima de tudo o resto.A musica é linda, tu és indescritivel,e nós inominaveis. É bom encontrar-te e reecontrar-te, em mim, em nós, no mundo. Descobrir-te aqui,e na ausência. És essencialmente o meu ser fora de mim, e vou encontrar-te sempre, onde quer que vás. Beijo lá, no infinito que nos pertence.